• Categoria: menina
  • Estou tão cansada de estar tão exausta

    27 abril 2017

    foto: pinterest
    Estou tão cansada de estar tão exausta.
    Estou tão cansada de ver você e fingir que nada mais desperta dentro do meu peito. Mas para ser honesta eu já reformulei vários diálogos antigos, dos quais eu sei que jamais voltarão a existir entre nós. Pode ser que daqui alguns anos você comece a construir diálogos com um novo alguém, após um casamento lindo durante uma manhã de primavera. Quanto a mim? Não serei mais lembrada, nem como um ex amor. E ainda assim, depois de tudo que vivemos me tornarei apenas a garota que te fez adquirir um pouco mais de experiência quanto a relacionamentos.

    Vamos nos encontrar no shopping, você estará de mãos dadas com uma moça alta e de cabelos castanhos, irá me apresentar pelo o primeiro nome e dizer que comprou uma casa e se mudou da cidade, tenho medo que isso ainda seja um motivo para eu sentar na frente do computador e tê-lo como inspiração de algum texto, mesmo que já tenha se passado sete anos desde que você disse não para o “nós”. E eu o que estarei fazendo? Talvez viajando pelo o mundo em busca de novas inspirações, em uma tentativa fracassada, mas em contrapartida, completamente realizada com os meus escritos sendo publicados em livro, graças à inspiração diária em reformular nossa ficção.

    Talvez eu continue apaixonada por alguém que nem exista mais, alguém que eu conheci a exatos sete anos, em um inverno triste, do qual tudo passou a fazer sentido através de um simples olhar. Olhar intenso, que me fazia viajar por alguns infinitos. Um cara com o coração gigante, disposto a servir sempre. Com sorriso largo mesmo sem mostrar os dentes. Um cara que sonhou comigo, que planejou um futuro ao meu lado. Até o dia que desistimos do “nós”, até porque nem sempre o que queremos é o que precisamos.

    Não sei se você ainda toca naquela banda adolescente. Talvez tenha trocado o café quente por chá gelado. Sua playlist no Spotify com certeza recebeu novas bandas. Em contra partida nada mudou no meu hoje, ainda sinto que sou transferida para a primeira festa que fomos juntos, enquanto eu tentava me equilibrar naquele salto, você lembra o quão ridícula eu estava tentando te impressionar? 
    Sinto-me tão exausta, esperando em um tempo de cura, que parece nunca chegar. É como se ainda escutasse você cantar ao telefone toda vez que repouso minha cabeça no travesseiro antes de dormir. Exausta de escrever sobre um amor sólido que a cada dia me dar sinais quanto ao fim de tudo.

    Decepciono-me por não saber mesmo depois desses longos anos o porquê da sua partida. E acabo repousando em lágrimas, por um amor cada dia menos sólido. 
    Mesmo aceitando confesso que ainda nutro uma pontinha de esperança no que costumávamos chamar de “nós”. Achei que eu merecia por tudo que fui. Porém uma certeza meu amor, não me arrependo de ter sido inteira quanto a tudo que vivemos.    


    Só quero pedir que sorria garota

    18 fevereiro 2017


    Tudo aconteceu exatamente como você imaginou que seria? E foi realmente muito bom como você gostaria que fosse? Mas por fim, se deu tudo certo por qual motivo se culpa?

    Não sei quais são as qualidades que você deseja em um cara, mas se ele é inteligente, legal, divertido e tem o melhor senso de humor do mundo, que mal tem em se permitir viver? Não se julgue e nem tenha pressa em fazer o que deseja. Na real ando meio cansada dessas “regras” do que é certo ou errado, isso não deveria existir. Se você é livre, por que o peso na consciência garota?
    Não queira de volta um amor, um aconchego ou um carinho que você já deu. Não deixe que ninguém te guie para aonde você não deseja estar e muito menos que ele te tranque do lado de fora quando você mesma o deixou entrar.

    Se estar segura do que sente, por mas que seja apenas um momento, não transpareça dúvidas, pegue o lado positivo para você e continue com o controle da situação.
    Não tem nada de errado com você, ao menos uma vez na vida nos sentimos confusas e nada faz sentindo. E foi exatamente em um desses dias que descobrir quem eu era, que se eu continuasse olhando para o lado e para as outras pessoas, minhas inseguranças continuariam ali. Isso não iria ajudar em nada. Pare de enxergar somente o que você quer ver e dê um pouco de atenção para si mesma. Tentar agradar todo mundo é perca de tempo e eu só consegui segui em frente quando fui capaz de entender isso. Lembre-se que em contrapartida, essa pessoa que você tanto tenta agradar, talvez não esteja mais na sua vida daqui um ano, porque os que ficam são aqueles que te amam pelo o que você é.
    Clichê? Sempre. 

    Seja você mesma e ponto. Você nunca será o que não nasceu pra ser, ser alta ou baixa não te faz perfeita, ter belas curvas ou uma barriga chapada não vai te ajudar a conquistar ninguém. Até porque tudo isso passa com a idade, mas o que se é por dentro continua até o fim.

    Beleza é muito mais do que um rosto atraente.
    Porque mudar algo pra agradar alguém se você pode agradar a si mesma. Seu corpo agradece!  Não dependa da aprovação de ninguém, ate porque se você não se amar, quem poderá amá-la? 

    Se conheça.
    Ninguém melhor do que você mesma para conhecer seus defeitos e qualidades. Não se envergonhe e nem se esconda, todo mundo é ruim em alguma coisa, com você não seria diferente. Então encare seus defeitos e pronto, assim viverá bem melhor. 

    Por fim, descubra o que você nasceu pra fazer.
    Tudo o que você for boa, vai te fazer bem. Seja cantar, dançar, escrever e se nada disso der certo procure outros meios, todo mundo se destaca em alguma coisa, portanto não afogue o que você faz de melhor com tanta insegurança. 

    Nade para as margens do seu mar garota. Não precisa ir tão longe para chamar atenção de alguém. Primeiro sinta seu pé em terra firme.



    Se conheça, se perdoe e por fim se permita.

    Com tecnologia do Blogger.
    © Entrando no assunto - 2017 | Todos os direitos reservados.
    Base de: Laís Portal | Personalizado por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
    imagem-logo