• Categoria: Pai
  • Auto-paixão

    19 outubro 2015



    Logo quando o ônibus chegou, eu pensava como é apaixonar-se por si mesma, e o que isso me proporcionaria.     
    Enquanto ele se movimentava, minha mente me levara a muitas convicções sobre minhas novas perguntas.
    Sem perceber, a seis meses comecei trilhar esse novo caminho que é: me permitir conhecer-me, e se apaixonar por mim mesma.      
    Por um longo tempo andei em círculos por não compreender de forma exata, o que se passava aqui dentro. Se eu disser que ninguém tentou me ajudar nesse caso, estaria mentindo! Porque meu amigo disse a mim, para escrever em um papel meus pensamentos, no entanto, não segui o que ele disse.
    É necessário tempo e leveza para se descobrir.
    Engraçado que na maioria das vezes que me descobria, ou eu estava sozinha no meu quarto com meu Pai, ou no meio de uma conversa, onde colocava diante da mesa a minha opinião sem anseio algum, e quando ouvia o que eu mesma dizia, logo depois, ficava impressionada com a profundidade das minhas palavras. É nos momentos simples que meu coração e a parte boa dele vem à tona. 

    Depois de tudo que passei para compreender meu coração e amar quem eu sou, percebo que minha vontade era um tanto exacerbada, sendo que na simplicidade é que agente se ama e se compreende.


    Minha auto-paixão tem sido vivida de forma moderada, porque se não vira narcisismo e sem perceber posso pisar em outras pessoas. É bom se sentir apaixonada por quem tenho que tornado, é bom sentir amor por mim, é bom sentir firmeza em quem eu sou.      
    Mesmo que não pareça, é necessário estar apaixonada por si mesma para se apaixonar por outro alguém. Se não for assim, logo quando você tiver um amor, acabará em ruínas, vivendo de forma dolorida sem precisão, apenas por não ter um amor próprio.

    Em constante desconstrução

    12 outubro 2015

    Novamente me encontro uma bagunça, dessa vez mais desordenada do que o normal. Isso é ruim? Não, não é ruim.
    Até um tempo atrás eu exigia um coração 100% ordenado, e com belos pilares, mas hoje não mais. Percebi que quanto mais tento me organizar, e constituir um coração consistente é que eu me torno incapaz de ser a menina que nasci pra ser.
    É tantos momentos tentando se encontrar, que acabo me desencontrando. Todos os meus esforços para se aventurar na infinidade de estados que existem na minha alma, se limitam diante da própria pressão imposta da minha parte.


    Desde que fiquei diante dessa situação, cheguei na seguinte conclusão: preciso me deixar desconstruir. Enquanto essa constante desconstrução acontece, dos escombros, uma nova menina sairá. E dessa vez não precisarei me pressionar para alguma mudança ou organização acontecer, porque o dono da minha alma, fará tudo com o Seu perfeito amor. A naturalidade da sua bondade e entusiasmo para comigo, irá me levar além da minha percepção sobre o que eu sou, e sempre me fará conhecer os novos estados que Ele mesmo constituiu em mim.

    Vai com calma coração

    25 abril 2015



    Hoje o dia começou diferente, queria escrever sobre algo verdadeiro. Cansei de formular textos bonitos. Então a coisa mais real e verdadeira que eu conseguia pensar era você e a tua simplicidade.

    Sinto meu coração tão sobre carregado, a ponto de não conseguir ouvir você. Sinto que estou caindo, estou desistindo. Não me canso de repetir “Calma Coração”, não me canso de ouvir você repetir “Calma Coração”.  Tento escrever e tudo que penso me levam ao teu amor. 
    Foi você quem me mostrou o que eu nasci para fazer, já não posso mais andar por mim.

    Preciso confessar que em meio a todo o caos eu cheguei a duvidar sobre quem você era, cheguei a cometer a maior das mentiras, eu menti para mim mesma. No entanto mais uma vez você me mostrou a verdade e me disse: “Quem busca a verdade não se engana”. Amou-me quando eu duvidei.

    Nos dias que eu acordei em meio à escuridão era você que estava lá, era você que rompia todos os meus medos com a tua gloriosa presença. Lembro-me da cura da minha alma e penso que não posso mais estar só, não há possibilidade de se estar, quando se tem alguém que cuida até dos mínimos detalhes só por amor.

    Não há nada melhor do que quando penso estar sozinha e teu abraço me constrange, você é melhor do que qualquer beijo apaixonado, do que qualquer romance. E se for para chorar que seja por tua grandiosa misericórdia e não porque alguém partiu meu coração.
    É você quem me faz entender a poesia da vida. Você é o próprio amor.

    Calma coração, a ultima palavra é dEle.

    May Mariano <3 

    Com tecnologia do Blogger.
    © Entrando no assunto - 2017 | Todos os direitos reservados.
    Base de: Laís Portal | Personalizado por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
    imagem-logo